Ginecologia e Obstetrícia

Endometriose é a principal causa de infertilidade feminina

Infertilidade feminina

endometriose é hoje a principal causa de infertilidade feminina. Essa doença atinge cerca de 10 a 15% de mulheres em idade fértil e chega a afetar cerca de seis milhões de mulheres no Brasil. Por ser uma doença que possui uma evolução lenta e gradativa, seu diagnóstico geralmente demora para ser feito, e a endometriose acaba não sendo tratada da forma adequada. Estima-se que 40% das mulheres com infertilidade tenham endometriose.

Algumas mulheres ignoram os sintomas e não buscam avaliação com o ginecologista. Outras procuram os ginecologistas, mas infelizmente encontram muita desinformação. E esse atraso na avaliação por um especialista leva ao diagnóstico tardio. E como conseqüência, maiores chances de outras complicações à saúde da mulher.

Possíveis Fatores que Podem Causar a Infertilidade Feminina

Assim como muitas doenças, a endometriose não possui um diagnóstico certeiro de causas, porém, diversos fatores são reconhecidos em uma série de casos, são eles:

– Falha no sistema imunológico

O que faz com que o sangue da menstruação retroceda para a cavidade pélvica através das trompas de falópio, instalando-se e desenvolvendo nas paredes dos órgãos da região pélvica ao invés de serem identificadas e expelidas pelo sistema imunológico.

– Cirurgias ginecológicas

Após procedimentos cirúrgicos como histerectomia ou cesariana, as células do endométrio podem não ser removidas completamente e ficarem presas na área afetada pelo procedimento, caso elas se estabeleçam nas trompas, pode existir grande possibilidade de gerar infertilidade feminina.

– Hereditariedade

O fator genético é muito estudado e apontado como uma das causas da endometriose, justamente pelo fato de pessoas com casos familiares possuírem maior predisposição a desenvolver a doença   Além dessas causas, muitas outras são estudadas e apontadas como fatores relevantes para a doença, porém, como alguns casos possuem particularidades, é difícil descobrir um padrão e ter ao certo os sintomas.

Sintomas

A doença que tem por motivo o surgimento irregular do tecido que reveste o útero (endométrio) para outras partes do corpo, causa um ciclo menstrual mais vasto e duradouro, fortes cólicas durante o ato sexual, dores ao urinar ou evacuar podendo em alguns casos até ocorrer sangramentos e ser grande causa da infertilidade feminina. Apesar de diagnósticos corriqueiros e um grande número de casos, a endometriose pode acarretar diversos problemas de acordo com a gravidade da doença.

As complicações da endometriose também variam de acordo com o local afetado pela doença e uma vez que se desenvolve, as principais consequências são:

  1. Cólicas menstruais intensas

Um dos sintomas mais menosprezados e mais comum durante a endometriose. As fortes cólicas menstruais podem por muitas pessoas serem apenas consideradas um sintoma normal durante o período menstrual, porém, podem piorar durante os meses e anos podendo até atrapalhar a rotina da mulher e ter um forte impacto na qualidade de vida.      

  1. Fortes dores durante a relação sexual

Em alguns casos, a mulher pode sentir dores fortes durante a relação sexual, o que causa muito desconforto e inibe o deleite. Ao sentir esse tipo de incômodo, procure um médico, esse tipo de sintoma pode ser um fator importante para a descoberta de diversas doenças em estágios iniciais que podem ser tratadas e não evoluir para casos irreversíveis de infertilidade feminina.

  1. Dores ou sangramento intestinais

A endometriose pode agredir diversos órgãos. Quando a doença chega até o intestino, ela causa cólicas e pode haver sangramentos durante a evacuação. Durante o período menstrual, essas dores podem ser mais frequentes e intensas.

  1. Dor ou sangramento ao urinar

Muito ligada ao sistema urinário e a bexiga, a endometriose pode causar também muitas dores ao urinar durante o período menstrual, e também, em casos mais urgentes, pode haver sangramento na urina.

  1. Dor pélvica constante.

A paciente que possui endometriose, pode ter quadros de dores pélvicas não apenas nos períodos menstruais. As dores são contínuas, intensas e muito duradouras, perdurando mesmo após medicação com analgésicos ou anticoncepcionais.

  1. Infertilidade feminina

Umas das principais causas da infertilidade feminina, a endometriose pode incapacitar a paciente de engravidar espontaneamente e pode ocorrer até casos de aborto espontâneo devido ao fato do endométrio se alojar as paredes das trompas e impedir a fixação natural do embrião.

infertilidade feminina

Além disso, pode ocorrer em alguns casos dores durante a ovulação, dores nos ombros durante a menstruação, aumento considerável do fluxo menstrual, fadiga e sangramentos durante a relação. Por isso, caso você reconheça algum dos sintomas, procure rapidamente um médico e comece o tratamento.

Quanto antes for diagnosticado, mais eficaz e rápido é o tratamento, podendo gerar menos consequências futuras.

Guia da Mulher Adulta Download Powered by Rock Convert
Dr. Tomyo Arazawa

Dr. Tomyo Arazawa

Me formei em Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Após a faculdade, fiz Residência Médica e especialização e Ginecologia e Obstetrícia no Hospital das Clínicas da FMUSP. Fui Médico Preceptor (chefe dos residentes) da Disciplina de Ginecologia da FMUSP logo após o término da residência médica. Me especializei em cirurgias minimamente invasivas, tais como cirurgias laparoscópicas, histeroscópicas e cirurgias robóticas. Hoje minha dedicação está voltada a atenção, assistência e estudos a pacientes com dor pélvica e especialmente endometriose.

1
Olá! Posso te ajudar com alguma dúvida sobre agendamento de consultas?
Powered by