Ginecologia e Obstetrícia

Infecção Urinária ou Cistite: Como Evitar?

INFECÇÃO URINÁRIA

Quais os sintomas da cistite?

A infecção urinária na mulher ou cistite é muito frequente, alguns dos principais sintomas são ardor no canal da urina, dor abdominal, vontade de urinar constantemente mesmo sem a bexiga estar cheia e acordar a noite para urinar.

Febre ou dor nas costas pode indicar gravidade da infecção, a pielonefrite, quando a infecção já afetou os rins. Neste caso, se não houver tratamento o mais breve possível a infecção pode espalhar pelo corpo causando septicemia. Portanto, na existência de algum destes sintomas, procure o médico.

Como se faz o diagnóstico da cistite?

O diagnóstico da infecção urinária ou cistite é clínico, ou seja, pelos sinais, sintomas e exame físico. Em alguns casos é necessária a realização de exames de urina, principalmente a urocultura que identifica qual o agente causador.

Tenho infecção urinária de repetição, o que pode ser?

A infecção urinária de repetição ou cistite de repetição é definida por pelo menos 2 episódios de infecção urinária confirmadas por exame de urocultura ou 3 episódios em 1 ano. Geralmente é associada a fator imunológico: estresse, depressão, ansiedade, gestação, distúrbios alimentares, privação de sono e doenças mal compensadas como diabetes ou HIV. Além disso, pedras no sistema urinário ou nefrolitíase ou lesões na bexiga podem corroborar para a permanência da infecção.

Procure o ginecologista ou urologista para melhor investigação.

Como posso fazer para evitar a infecção urinária de repetição?

Para a prevenção da infecção urinária de repetição é importante primeiramente investigar e tratar as outras doenças.

Mudanças no estilo de vida são essenciais: Dormir pelo menos 8 horas por dia, evitar situações e ambientes estressantes, alimentação saudável e fracionada, ingerir bastante água, diminuir consumo de alimentos ácidos como abacaxi, limão ou também o café e urinar antes e principalmente após as relações sexuais.

Nunca é demais lembrar a importância do uso da camisinha, que por prevenir doenças sexualmente transmissíveis também ajuda na imunidade. Algumas medicações podem ajudar a diminuir os episódios de infecção como antibióticos, imunomoduladores (conhecidos como a “vacina da infecção urinária”) e alguns agentes que deixam a bexiga como um ambiente hostil ao desenvolvimento da infecção como o cranberry.

Procure o ginecologista e discuta o melhor tipo de investigação e tratamento do seu caso e atenção: se tiver febre ou dor nas costas pode indicar gravidade da infecção.

Existe vacina para infecção urinária?

Não, contudo, existem imunomoduladores. São feitos da cápsula da principal bactéria causadora da infecção urinária: Eschericia coli.O tratamento é feito por 3 meses, com pausa de 3 meses e um reforço por mais 3 meses. Apesar de ser um medicamento utilizando apenas 1 tipo de bactéria, o seu efeito na melhora da imunidade pode diminuir episódios de infecções por outras bactérias também.

Tomar suco de cranberry ajuda a prevenir infecção urinária?

O cranberry em altas concentrações pode deixar a bexiga um ambiente hostil ao desenvolvimento de bactérias. O suco de cranberry tem baixas concentrações e para prevenção de infecção urinária precisaria de pelo menos 4Litros por dia para ter algum efeito. Hoje existem cápsulas com alta concentração do princípio ativo do cranberry com melhores resultados.

Dra. Lilian Fiorelli  

Guia da Mulher Adulta Download Powered by Rock Convert
Lilian Fiorelli

Lilian Fiorelli

Formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Fez residência médica em Ginecologia e Obstetrícia no Hospital das Clínicas da FMUSP, onde também se especializou em Uroginecologia e Sexualidade Humana.

1
Olá! Posso te ajudar com alguma dúvida sobre agendamento de consultas?
Powered by