Dermatologia

Como proteger a pele dos efeitos da poluição

Além da exposição solar, outro fator ambiental pode causar danos, muitas vezes irreversíveis, à pele. Trata-se da poluição, que nada mais é do que os agentes químicos, biológicos ou físicos que contaminam a atmosfera.

Dentre os efeitos da poluição, destacam-se o envelhecimento precoce, surgimento de manchas e rugas, aumento na produção de radicais livres e a redução do colágeno. Para evitar a ação esses agentes externos, é importante proteger a pele através de cuidados especiais e diários.

Veja abaixo como melhorar alguns hábitos, combater esses efeitos da poluição e, claro, garantir uma pele mais bonita do que nunca!

O primeiro passo para proteger a pele é usar filtro solar

A maneira mais eficiente de impedir os efeitos nocivos da poluição na pele é utilizar o filtro solar, que igualmente evita os danos causados pelos raios solares.

Assim, faça chuva ou faça sol, esse produto é essencial porque cria uma espécie de bloqueio externo, moderando a produção de radicais livres e, consequentemente, o envelhecimento cutâneo.

Mantenha a pele limpa

Quem quer proteger a pele precisa incluir obrigatoriamente, nos seus cuidados diários, a prática da limpeza adequada. Isso porque é fundamental remover todo o resíduo que possa haver de poluição no rosto.

Porém, é preciso escolher o agente de limpeza correto para que os efeitos nocivos sejam minimizados. O tratamento pode ser realizado com sabonete, gel de limpeza, demaquilantes e máscaras, entre outros produtos, desde que direcionados ao seu tipo de pele.

Hidrate diariamente a sua pele

proteger pele

Uma alternativa para conter os efeitos da poluição é manter a pele sempre hidratada. Atualmente, são diversas opções de cremes existentes.

Porém já existem versões com formulação que traz ingredientes ativos justamente para prevenir os danos causados por agentes externos e, consequentemente, melhoram a aparência da pele.

Por possuir ação antioxidante, a vitamina C ganha destaque entre os componentes. Ela ajuda a eliminar os radicais livres e auxilia a produção de colágeno. Além disso, recupera a sua saúde, deixando-a mais viçosa.

Para que seja criada uma barreira protetora, o creme deve ser aplicado sempre após a limpeza e antes do protetor solar.

Os efeitos da poluição na pele

Muitas pessoas achavam que o grande causador dos efeitos nocivos à pele era a radiação solar. Na verdade, ela realmente traz consequências visíveis, porém, assim como ela, a poluição igualmente pode ser muito prejudicial.

O que ocorre é que as partículas presentes no ar penetram e promovem uma alteração na barreira cutânea, desencadeando o envelhecimento extrínseco. Além disso, a poluição causa o chamado estresse oxidativo, que leva à produção de radicais livres e à perda de vitaminas C e E, assim como à degradação dos lipídios.

Na prática, os principais efeitos que costumam ser relacionados a esse agente externo são:

  • Formação de melanoses;
  • Redução na produção de colágeno, aumentando a flacidez;
  • Presença de queratoses;
  • Surgimento de rugas e outras marcas de expressão.

Desta forma, é fundamental adotar esses cuidados especiais para proteger a pele e, assim, garantir que ela permaneça bonita por mais tempo.

Antes de sair comprando todos os produtos disponíveis nas farmácias para proteger a sua pele, é fundamental consultar um médico dermatologista. Somente ele pode avaliar os efeitos da poluição, indicar os melhores produtos para o seu tipo de pele e, claro, acompanhar os resultados.

Dra. Ana Paula Takeuchi

Dra. Ana Paula Takeuchi

Dra. Ana Paula Takeuchi é médica formada na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Fez residência médica em Dermatologia no Hospital das Clínicas da FMUSP.

1
Olá! Como a Alira pode te ajudar?
Powered by